segunda-feira, 21 de setembro de 2009

Se faz necessário a preservação das árvores



Dia 21 de setembro, Dia da Árvore. Momento ideal para repensarmos nossas ações sobre o meio ambiente. A substituição das florestas por pastagens, plantações e edificações é algo secular, Devemos lembrar que as árvores não precisa do homem, mas o homem sim, este precisa das árvores. A cada ano que passa, nossas florestas estão desaparecendo numa velocidade assustadora, consequência das atitudes descontroladas do ser humano, que, em busca de riquezas, dilapida impiedosamente o seu maior patrimônio, a natureza.É importante lembrar que, embora coloquemos as florestas numa dimensão de recurso natural renovável, isto é, aquele recurso usado para o desenvolvimento da sociedade humana e capaz de se restabelecer de forma independente por processos próprios, os estoques naturais disponíveis não conseguem acompanhar o ritmo da sua exploração. O resultado dessa ação nefástica é a destruição de nossas florestas que também se traduz na redução inevitável da biodiversidade e no desaparecimento de muitos organismos.Para nossa sábia espécie, cabem alguns reflexos como tempestades avassaladoras, inundações, poluição, desmoronamentos e milhares de mortes. É emergente a sensibilização das pessoas para a adoção de ações eficazes ao controle da degradação ambiental frente a esses sinais de saturação. Uma das alternativas mais rápidas e eficazes é o reflorestamento.Entretanto, pensar em reflorestamento requer, atualmente, a ruptura de paradigmas e da ideia equivocada de que reflorestar significa plantar de forma homogênea vastas extensões de terra, criando verdadeiras monoculturas de árvores exóticas como o eucalipto e o pínus.Reflorestar deve assumir a dimensão de restaurar. Devemos oferecer à natureza condições especiais para que a paisagem resultante seja mais próxima possível àquela outrora existente.No Brasil e em tantas outras nações, tornam-se crescentes as iniciativas voltadas à recuperação de áreas degradadas em diversas escalas e finalidades. Diferentes segmentos da sociedade, organizações e o meio acadêmico buscam por meio do plantio de espécies nativas, reparar danos ambientais, contribuindo para a melhoria da qualidade ambiental e da vida humana.Nesse contexto, cabe a cada um de nós empreendermos iniciativas, mesmo que pequenas, que fortaleçam esse movimento global. Plante você uma árvore! Esse gesto de carinho e cuidado com a natureza fará uma enorme diferença. Faça de cada dia um dia de paz, um dia da árvore e da sua própria vida.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postar um comentário